Thursday, April 02, 2009

tudo desde sempre.
nunca outra coisa.
nunca ter tentado.
nunca ter falhado.
não importa.
tentar outra vez.
falhar outra vez.
falhar melhor.
(samuel beckett)


isabelle huppert by philip-lorca dicorcia

22 Comments:

Blogger corpo visível said...

.
falhar melhor.
.

12:13 am  
Blogger O Caso de Charles Dexter Ward said...

Tentar melhor.

6:05 pm  
Blogger genital apoteótico said...

Dormir melhor, morrer melhor.

6:06 pm  
Blogger licopódio said...

Nunca outra coisa. Tentar.

12:49 am  
Blogger indigo des urtigues said...

aprimorar com as falhas...

4:40 pm  
Blogger vera. said...

sem dúvida, falhar melhor

gosto de aqui vir, aclara o olhar

9:37 am  
Blogger Clara Mazini said...

Falhar melhor, em dias melhores.

O meu melhor sorriso pra ti.

9:50 pm  
Blogger Albemarle Station said...

comer uma boa refeição, de preferência com quem goste de nós, beber uns copos, dizer parvoices, rir, amar , se possivel.

12:15 am  
Blogger intruso said...

(...)


Tudo desde sempre;
para melhor ou pior, tentar (tentar não falhar)
e falhar (melhor) se necessário.


[importa, sempre]

4:35 pm  
Blogger Naked Lunch said...

meter os pés... passado algum tempo habituamo-nos...

11:35 am  
Blogger shh said...

Acertar, em vez de ficar a dissertar sobre leite derramado.

2:04 am  
Blogger merdinhas said...

fail
fail again
fail better

(e se eu gosto desse Beckett)

Enough. Sudden Enough. Sudden all far.

11:00 pm  
Blogger vermelho como a estrada said...

Isto tudo e nada.

3:38 am  
Blogger Mr. Lynch said...

Corpo Visível;
Se falhar, podemos sempre voltar a tentar. Será que importa?
Bom fim de semana.

7:20 pm  
Blogger itinerário suplementar said...

hummm....

para quem falha muito (como eu :o),
as falhas já não são melhores,
são redundantes.

1:09 am  
Anonymous Anonymous said...

É bom aceitar a possibilidade de falhar. Permite-nos arriscar mais.
João D.

4:16 pm  
Blogger Naked Lunch said...

bombar bombar bombar

11:51 am  
Blogger Naked Lunch said...

buk buk buk

11:51 am  
Anonymous Anonymous said...

Ando sempre a tropeçar nesta espécie de sentença do Beckett e ainda não consegui descobrir onde é que ele a escreveu... Podes dizer-me?

Renato.

10:34 pm  
Blogger corpo visível said...

.
pioravante marche (worstward ho).
.

12:04 am  
Blogger icendul said...

a imperfeição é a única justificação interessante para continuar a tentar;)

12:04 pm  
Blogger [A] said...

O grande problema é nunca acertar.

10:46 pm  

Post a Comment

<< Home